Empatia, perspectiva e Instagram

Empatia é uma espécie de inteligência emocional. É aquela capacidade de se colocar no lugar do outro – que quase todos temos. Compreender a situação pela qual outro indivíduo passa. E sentir um tipo de reação emocional a isto. É uma daquelas coisas que nos faz humanos. Empatia te faz ver as coisas por outra perspectiva.

É sempre bom colocar as coisas em perspectiva. Geralmente temos altos e baixos. Nos altos costumamos perder o chão. Achar que somos os “reis da cocada preta” (adoro essa expressão). Nos baixos, somos o “cocô do cavalo do bandido” (não vou ter de traduzir esse texto mesmo..). Também é extremamente humano achar que o mundo gira ao nosso redor.

Passei o último ano usando o Instagram para publicar minhas fotos de viagem ao redor do mundo. O meu Instagram não interessa neste texto. Quero contar o que faço quando acesso o aplicativo, sobre empatia e perspectiva.

Desde que descobri a conta @everydayafrica, do fotógrafo Peter DiCampo – e de todas as outras que a seguiram, como as @everydayasia, @everydayeasterneurope, @everydaymidleeast, @everydayjapan, @everydayusa, tem até do Brasil mas daqui o melhor é o @cartiebressao – são uma espécie de movimento fotográfico, com fotos do cotidiano destas regiões – passei a acompanhá-las diariamente*. E a enxergar as fotos em geral de uma forma diferente. Costumo acordar, e enquanto tomo café vejo um pouco da vida das pessoas ao redor do planeta.


Hoje por exemplo: vi uns garotos conversando na calçada em Capetown,

alguém com uma cabeça de AngryBirds descansando após a festa de aniversário,  

algumas mulheres no lombo de um camelo a caminho das pirâmides,

duas garotas sauditas tocando piano na casa da vizinha iraniana em Teerã,  

pescadores em Myanmar,

uma garotinha brincando perto do estádio Azteca,

um morador de rua fumando e rezando em Tokyo,

uma mulher protegendo o bebê do sol num ônibus no Equador,  

um menino da tribo Kikrin no Pará,

freiras subindo as escadas do metrô Botafogo,

e por ai vai.

É como se uma grande fotografia do dia a dia do mundo fosse sendo revelada mentalmente. E essa grande imagem te dá uma perspectiva diferente da vida. Mais global. Mais simples. Mais diversa.

Visualizar isso é um pouco do que há de melhor em se viver nos dias de hoje. Em tempos de crise: empatia, perspectiva e Instagram.

*uma lista dos @everyday’s que sigo:

@everydayafrica @everydayeasterneurope @everydayegypt @everydayiran @everydayasia @everydayjamaica @everydaylatinamerica @everydaymiddleeast @everydaysouthestasia @everydayusa @everydaybrasil @everydayturkey @everydayrussia @everydayvietnam @everydayecuador @everydayaustralia @everydayjapan @everydaymumbai @everydaynepal @cartiebressao